Publicidade

Facebook agora será Pago? continue lendo...

Surgiram boatos  de que o facebook seria pago, que para usar o serviço teria que pagar uma taxa, pelo menos de 10 reais (aqui no Brasil) para ficar usando  seus serviços,  que os usuários de todo o mundo teriam que manter uma regularidade de pagamentos mensais para usar seus serviços, mas... será que esta notícia é verdadeira? Ou seria uma notícia mal entendida? Bem, fizemos uma pesquisa para saber a veracidade de tudo, e encontramos um artigo interessantíssimo que esclarece muito, Continue lendo e deixem seus comentários...

Criador do Twitter sugere versão paga para o Facebook
Biz Stone diz que Zuckerberg deveria cobrar usuários para tirar publicidade da rede social

O cofundador do Twitter Biz Stone fez uma sugestão que de tempos em tempos surge para tentar Mark Zuckerberg: o Facebook deveria cobrar assinatura.

Stone não imagina que todos devem pagar para usar a maior rede social do mundo, mas que o site poderia dar uma opção premium a quem deseje acessá-lo sem ter de topar com uma das muitas opções de publicidade que existem por lá.

"Em geral, as publicidades do Facebook não parecem particularmente úteis ou interessantes. Entretanto, as publicidades do serviço são universalmente toleradas porque é isso que faz o Facebook ser gratuito e gratuidade é legal", comenta ele em seu blog.

Criador de plataformas minimalistas e intuitivas como o Twitter e o Medium, Stone não se dá bem com serviços muito complicados e o Facebook, hoje, é uma rede social com várias opções, configurações e recursos. Para ele, a publicidade, então, se tornou um obstáculo a mais, que dificulta o pleno aproveitamento do site.

A contrapartida apresentada por Stone é tentadora: com o bilhão de usuários do Facebook, se apenas 10% deles pagassem uma taxa mensal de US$ 10 para se livrar das propagandas e talvez ter acesso a alguns recursos diferenciados, Zuckerberg faria brotar uma receita mensal adicional de US$ 1 bilhão.

Leitores: vocês pagariam para desativar a propaganda do Facebook? 

Comente com o Facebook: